domingo, 23 de novembro de 2008

A Baratinha

Gente, eu nem sei por onde começar esse post! Preciso contar o que aconteceu, o mico que paguei, as risadas que dei, mas não sei como iniciar. Mesmo assim vou tentar: lá vai.

Estávamos eu, o Rei e o marido numa festinha de aniversário de uma adolescente, filha de uma amiga nossa, cujos parentes são evangélicos. E, do nada, SIMPLESMENTE DO NADA, sentado no meu colo, o guri começa a falar um palavrão que a titia Vanessa fez o favor de ensinar (inclusive colocando o vídeo da baratinha no celular do Tio Júnior pra ele assistir) Não sei como ele lembrou daquela palavra, mas o fato é que lembrou, muito bem lembrado, num local não adequado.

Olhei para o pai dele, pedindo socorro, enquanto tapava a 'boquinha porca' com uma das mãos e segurava ele com a outra. Quanto mais eu chorava de tanto rir, mas ele aumentava o tom de voz. Saí correndo para o meio da rua, literalmente, e a tia da aniversariante veio atrás de mim, pensando que eu estava chorando.

Quando expliquei o que aconteceu, falei que meu pai ensinava algumas palavrinhas de baixo calão a ele, ela começou a rir também e ele me solta um "PORRA" bem grandão... Eu não sabia se ria ou chorava!

Misericórdia! Fiquei morta! Não se deve ensinar palavras desse tipo a uma criança! Tanto eu, quanto o esposo, quanto minha mãe já reclamamos tanto, mas não adianta. Já ensinei ao Reizinho para mandar o avô tomar vergonha, a dizer que é feio, mas não tem jeito.

Alguém tem receita aí???
PS: Quem quiser saber qual foi o palavrão, que começa com P, é só pedir por e-mail! kkkkkkk

6 comentários:

vanypiher disse...

Será que a palavra foi "Priquito"

Valquíria Almeida disse...

A professora tinha que se manifestar mesmo, né?

Daniella PSF disse...

tá vendo cecê, eu disse pra não repetir... uma hora ele ia soltar...
e que hora heim?

vanypiher disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixa só Ian crescer, nem que seja por telefone... mas ele vai aprender.

Day Pinheiro disse...

Eitaaaaaaa! Tá vendo? E perigosa ainda é "coelhinho fufu", né? Dou sarrafo mas não ensino coisa feia não! Viu "tia Cecê"??!KKkk

Daninha disse...

Meu Deus do Céu.
Estou aqui abismada com tudo isto. kkkk.
Quase morro de tanto rir (rsrsr)
Consigo visualizar a cena com uma nitidez incrível,parece que estava lá.
Tia 'Manessa' é memso um perigo (kkkk)