segunda-feira, 8 de março de 2010

Por quê?

É. Mais uma fase. Já faz um tempo que Arthur está nessa fase e agora acentuou mais, porque antes ele misturava o "por quê?" com o "como é?" e o "que é?". Só que o garoto é esperto. Ele prepara todo o esquema antes, vai fazendo afirmativas de levinho, até começar a soltar os seus "porquês". E nosso diálogo é mais ou menos assim:
- Mãeee, a comida fica na nossa barriga, não é?
- É filho.
- E o cocô é a comida que fica na nossa barriga e depois vai pro cocô, não é?
- É filho, isso mesmo. Muito bem.
- Por que mãe?
- Porque o corpo da gente tira o que precisa da comida e depois manda o resto por cocô!
- Por que mãe?
- Porque o nosso corpo não precisa de tudo.
- Por que mãe?
- Ah, filho... você é padre ou é da polícia pra perguntar tanto assim?
- Por que eu sou da polícia mãe?
- Porque você faz muitas perguntas.
- Por que eu faço muitas perguntas mãe?
E por aí vai... Mais tarde:
- Mãe, olha só o céu.
- Tá lindo, né, filho?
- Mãe, por que o céu não está andando agora?
- E eu sei...
- Ah, mãe. Você sabe... O céu não anda?
Eu mereço... Depois:
- Mãe, como a água desce?
- Oi?
- Ela passa por aqui (apontando para a boca) e depois por aqui (apontado para a garganta) e depois vem pra minha barriga não é?
- É sim, garoto esperto!
- Mas por que mãe??
- Oxe, menino! Porque sim!
- Ah, mãe...
E o guri começou a beber água bem devagarinho, como se sentisse cada estágio pelo qual ela passava... Ai Ai...

PS: Meu pequeno vai fazer três anos e estou querendo fazer um sortei aqui no blog. Semana que vem aviso.

3 comentários:

Lia disse...

Esse menino é demais! "Por que eu faço muitas perguntas?" HAHAHAH! Eu, se fosse você, devolvia: "Só você pode me dizer, Arthur: por que você faz tantas perguntas?"

Vany e Noca disse...

O céu anda sim....

Bia Mello disse...

Coisa mais fofa...adoro crianca falante!!!
Lindo demais na foto do post abaixo, esqueci de comentar...rs
Bjs,