sábado, 29 de maio de 2010

Calmaria

A Bia perguntou num comentário recente e venho responder aqui: o Rei tá melhor, bem melhor. A falta de paciência dele continua, mas em menores proporções. Já percebi que muito é da personalidade dele e o pouco que fica é 'nervoso' mesmo. Consegui, nas duas últimas semanas, levá-lo e buscá-lo na escola, o que acredito ter contribuído para uma melhora dele. Tenho orado bastante e sei que minha família e meus amigos também o tem incluído em suas orações, inclusive pessoas que não conheço pessoalmente, como a mãe da Bia (obrigada!) e muitas outras.
.
Às terças e quintas, o pequeno tem ido à natação. Ainda em fase de adaptação, mas devidamente matriculado, pois quero fazer disso uma constante na vidinha dele. Ele se diverte tanto na piscina, quanto no parquinho depois da aula. Nós, pais da terceira idade, é que estamos penando para aguentar o ritmo do pequeno. Quando ele chega em casa, quer dormir. E tem dormido bem, graças a Deus. A psicóloga pediu para que diminuíssemos a quantidade de horas que ele dorme à tarde. Ela disse que três, quatro horas é muito tempo, por causa das energias que ele precisa gastar. Estamos tentando.
.
A televisão ainda o entrete, e às vezes é o nosso recurso para uma negociação, por exemplo, se ele não quer ir à escola, negociamos: "quando terminar o Tom e Jerry você vai". Ele aceita e na maioria das vezes cumpre o que promete. Temos percebido que ele está mais consciente de suas atitudes. Chora, joga os brinquedos no chão, com raiva, mas depois pede desculpas. Aliás, desculpas é a palavra que mais temos ouvido do pequeno. Faz algo errado, quando vou reclamar, firme, ameaçando o castigo, ele vai logo pedindo desculpas. Dá vontade de abraçar e beijar, mas eu me mantenho firme e digo, sem me derreter, que ele está desculpado daquela vez, e que não volte a repetir o errado, que o amo muito mas que não gosto de "tal" atitude. E saio de perto dele, para não o apertar e matar de beijos... Dou um tempo e depois beijo e cheiro muitoooooo.
.
As consultas com a Psicóloga (que utiliza a ludo-terapia) ajudaram a deixá-lo menos egoísta: já divide os brinquedos, pede emprestado, empresta e devolve depois sem problemas. No mais, não vi outro resultado, por enquanto. Arthur não está tomando nenhum medicamento (do tipo Calman), nenhum mesmo. Ele já tomou por três meses e não vimos progresso. Nossa receita: uma porção exagerada de fé e pitadas diárias de oração. Mistura tudo, entrega a Deus e confia.

5 comentários:

Vany Piher disse...

A melhor e mais eficaz receita que já vi!
Fé em Deus!
Amo muitoooo!

Ser mãe é viver constantemente feliz! disse...

Amei essa receita, com certeza ela sempre dá certo....CORAGEM MAMÃE!!!! bjs

Danileide disse...

Também farei coro com as demais: A melhor receita é essa. Você consegue. Eu sei.
Deus está abençoando.
beijos!

Gabi&Davi disse...

Oi Val, assim como vc eu tb tenho um rei: Davi! rs
Bom, passei por essa fase, birras, manhas, pirraças, choros intermináveis, verdadeiros testes de paciência. Ainda ñ li todo o seu blog, mas no meu caso foi por causa da separação.
Olha, o grande lance é a mistura bem chacoalhada de mta fé e oração + terapia + paciência.
Na terapia aprendi a lidar com as situações q tendem a esgotar nossa paciência, e meu Rei aprendeu o q pode ou ñ fzr.. Mts criticaram sobre o q eu ia fzr com uma criança de 3 anos no psicólogo, mas hj vejo q foi a melhor atitude q tomei. Davi está mais calmo, ñ sei mais o q são birras nem pirraças, a gente é amigo, conversa muito e o máximo q acontece é ele ficar "chateado" como diz... rs
Então amiga, presevere em tds as partes, e com a ajuda do nosso amigo tempo td irá se resolver.
Grande beijo e força nessa jornada!

Bia Mello disse...

Oi querida,
Fico tao feliz em ver que as coisas tem melhorado com o pequeno. Ele é um baby muito inteligente e voces têm sido maravilhosos na educacao e preocupacao com o desenvolvimento dele. Porque nao ha nada mais confortante e certo do que colocar as nossas vidas diante de Deus e depositar Nele nossas angustias. Mas nao da pra ficar orando e de bracos cruzados, ne? O milagre de Deus acontece atraves das nossas atitudes e vcs estao certissimos em ocupa-lo da melhor maneira, com atividades, esportes, terapia.
Certamente a vitoria ja esta acontecendo, é so curtir e agradecer pelos resultados, Deus é fiel em completar esta obra! :)
Ah, mamae mandou beijo pro Arthur! Disse pra vc falar que foi a "Vovo Augusta de SP", ta? :P
Bjs, querida!Otimo final de semana pra vcs!