domingo, 10 de abril de 2011

Filho lindo, do meu coração!

Ontem foi o seu aniversário e, eu acredito, pela primeira vez você entendeu realmente o que significa completar mais um ano de vida. Nos outros três, ou você era pequeno demais para entender, ou só curtiu a festinha mesmo, sem entender o que é aniversariar. Mas ontem não. Ontem, quando acordamos, cantei parabéns para você e fizemos uma oração, agradecendo a Deus pela vida. E quando agradeci a Deus por meu bebê já ter se tornado um menino, você me corrigou:

- Menino não, mamãe! Um rapaz! Eu sou um rapaz!

Então, corrigi. E passei o dia lhe chamando de aniversariante. Expliquei que agora você tinha 4 anos e não mais 3, como antes. E você disse:

- Mas, como? Se eu não cresci nem um pouquinho!

O dia foi passando, você recebeu visitas, ganhou presentes da vovó e do vovô. O papai, que foi trabalhar antes de você acordar, telefonou no meio da tarde para lhe parabenizar e avisar que ia chegar com presente. Sua tia ligou também e você falou tão lindo com ela, por tanto tempo, que ficamos admiradas. O papai chegou, com mais uma locomotiva da turma do Thomas, para lhe dar. E você amou!

Sua festinha será no dia 23, que também é o dia do aniversário do papai e, por ser no feriadão da semana santa, dá pra reunir a família de mais distante e animar mais ainda o seu aniversário. Até lá, estamos tentando conter a sua ansiedade que só é menor que a minha. Saiba que tudo que a mamãe e o papai fazem é para o seu bem e para a sua felicidade.

Você nos faz feliz! Você nos deu asas para irmos mais longe, coloriu nossos dias, encheu de alegria nossa casa e nossa vida! Por você, somos melhores. Com você, somos maiores. O aniversário é seu, mas o presente quem ganha somos nós, pela oportunidade de convivermos diariamente ao seu lado, rindo o seu riso e nos iluminando pelo brilho do seus olhos.

Obrigada filho!
Amamos você, simplesmente. Porque não existe amar menos, nem amar demais. Só existe o amor pleno, completo, repleto. Nem muito, nem pouco. Amamos, e pronto. Isso basta!

Feliz Aniversário!

4 comentários:

Danileide disse...

Emocionante, Val!
Não sei ainda o que é ser mãe, mas antes mesmo de querer ou pensar em casar, eu já havia decidido que teria um filho.
O amor que sente e demonstra pelo seu filho é emocionante!
Especialmente quando ainda estamos chocados pela tragédia que abalou o país na última quarta-feira. Desculpa não queria ter comentado isso aqui, mas lendo seu texto só consegui pensar nas mães daqueles garotos que não poderão mais celebrar o aniversário e as descobertas de suas crianças...
Parabéns pela família linda que você tem!
Obrigada por ser minha família também.
A gente se ama, né?

Ana disse...

Parabéns ao Arthur!
Muita saúde, felicidade e alegrias!
O meu tb adora o Thomas.
Beijos!

Bia Mello disse...

Parabéns, Arthur!
Saiba que vc é um "rapaz"tao abencoado que ilumina muitas das nossas noites aqui e casa, com cada expressao dita, cada pergunta feita, cada observacao levantada!
Que o Deus que te criou seja ainda mais maravilhoso em te criar na Sua graça, cheio do Seu amor e cuidados.
Tenho fé que ainda vou conhece-lo pessoalmente e dar um cheiro enorme no baianinho mais lindo da Tia Bia!

Parabens, com muito amor e louvor a Deus!
Bjs,
Tia Bia, Tio Edu e seu amigo Victor

Kell Alves disse...

Ai q texto lindo Val! Eu ousaria dizer q esse é o mais lindo q já lí por aqui.
Parabéns pro Artur e pra vc q nos abençoa com essa tão boa experiência de ser mãe.
b'jo grande!

PS. Como ficou o Desafio da Quadragésima.com? Foi à frente?