quarta-feira, 29 de julho de 2009

Livrando-se das Fraldas

Tá difícil... Não é brincadeira essa hora de tirar a fralda! Já li muito sobre o assunto e vejo que os "especialistas" não recomendam deixar a criança nua, em casa, para a adaptação. Mas, confesso, que com o Rei tem sido melhor assim. Quando ele sente vontade de fazer xixi, segura a pintinha e sai correndo para o banheiro. O pior é que ele quer fazer no vaso sanitário - que não é adaptado para o tamanho dele, como o da escola - e, na maioria das vezes, ele levanta a tampa e solta, a ponto de - se eu não estiver por perto - machucar a pintinha dele.

Já tentei o penico, o adaptador de assento, mas não tem acordo. Ele só quer fazer xixi no vaso sanitário. Quanto ao "número dois", ele ainda faz na cueca ou no chão de onde estiver, caso esteja nu. Senta e faz. Não quer conversa. Quando percebo, levo-o correndo para o banheiro e ele faz lá, na parte do chuveiro. Nada de penicos, nem adaptador de assento sanitário. Desde ontem, descobri um cantinho meio escondido lá em casa [entre a sapateira e o móvel de passar roupas] e coloquei o penico, pra ver se ele se anima em fazer distante dos nossos olhares. É torcer pra dar certo! Fé em Deus!

Mas continuo insistindo: fralda, só para dormir, à noite e para uma saída mais demorada. Tenho percebido também que a quantidade de xixi na fralda noturna diminuiu e que ele não tem feito xixi enquanto dorme, no período da tarde. E isso já é muito bom. Acho que ele não chega aos 17 anos usando fralda.

2 comentários:

Danileide disse...

Deus queira, Val! Deus queira que aos 17 ele esteja livre. kkkkk
Amo Muito!!!

Vany e Noca disse...

Adapte o vaso!!!!