domingo, 24 de outubro de 2010

Raiva de Guri

Ontem, fui lavar o quintar, fazer uma faxina. Nessas horas, o pequeno aproveita para tomar aquele delicioso banho de mangueira, principalmente nesse calor que estamos vivendo por aqui, que beira os 40º.

Sempre que esses banhos acontecem, entram em cena o caminhão de bombeiro e a briga pela mangueira e pelo rodo. Sempre. E ontem não foi diferente! Antes de começar a faxina, expliquei que o controle da água seria meu, mas que ele poderia usar a mangueira para encher o caminhão. Acordo feito, trato firmado, começamos: eu, a limpeza; ele, a brincadeira.

Pouco tempo depois, o guri começa a perturbar:

- Mamãe, me dá a mangueira! Eu quero a mangueira!

Diante da minha negativa, ele se irritou:

- Você não é mais a minha melhor mãe! Você era uma mãe boa, agora você se "tomou" uma mãe ruim. Eu achei você no lixo, e você só comia lixo. Você morava no lixo! Eu não "prefero" mais você!

Achei engraçado, mas não dei ousadia. Reclamei e exigi que ele me respeitasse. Ficou sem magueira, sem brincadeira, e terminou o banho chorando. Vinte minutos depois, caiu no sono e me deixou imaginando onde ele aprende essas coisas!!!

6 comentários:

Kell Alves disse...

Obrigada pelo carinho Val, mas o guri ainda vai demorar para vir.
Enquanto o meu não vem me divirto com o seu.

Renata Diniz disse...

Pois é Val. Todos dizem ser coisas de criança. Mas, as vezes me pego pensativa também sobre a caixinha de surpresa que uma criança! Val, eu te enviei um email sobre as regras da promoção e falta uma para você participar do sorteio. Você recebeu o email? Caso não tenha recebido, por favor, dê uma conferida na postagem da promoção e siga as instruções. Espero vê-la confirmando sua participação, que para mim é um prazer! Bjs também para o rei!

Lia disse...

Banho de mangueira é uma delícia mesmo, né?

Renata Diniz disse...

Val! Adorei vê-la como membro do Memórias. Como você me disse que gosta de ler, espero que curta bastante o espaço de meu blog. Bem como eu curto o seu de montão! Bjs também para o rei!

Bia Mello disse...

Amiga,
Que delicia ler sobre o Arthur...a gente morre de rir...rs
Danado de esperto, que persoalidade, hein?
Estamos aqui no Brasil, curtindo a familia e to cheia de novidades...te conto logo...
Bjs,

Danileide disse...

Onde ele aprende não sei, mas juro que morro de rir.
Adoooooooro!
Beijos...